Rio ultrapassa DF e tem m² mais caro do país em setembro, diz FipeZap


FipeZap

O preço do metro quadrado no Rio de Janeiro ultrapassou do Distrito Federal e passou a ser o mais caro do país no mês de setembro, de acordo com o índice FipeZap. O preço médio dos imóveis anunciados na capital carioca foi de R$ 8.358, contra R$ 8.143 no DF e R$ 6.862 nas médias dos bairros mais caros do Rio, no entanto, o preço do metro quadrado chega a R$ 18.332, no Leblon; R$ 16.984, em Ipanema; e R$ 14.795 na Lagoa. O índice FipeZap Composto mede o preço médio de apartamentos prontos em seis municípios brasileiros e no Distrito Federal com base em anúncios de apartamentos prontos da internet.

O preço médio do metro quadrado dos imóveis anunciados em setembro teve a menor alta desde setembro de 2010, segundo o FipeZap.  A alta média registradas foi de 0,9%. Apenas São Paulo, Recife e Belo Horizonte registram aumentos maiores do que no mês anterior.

Em São Paulo, o preço do m² foi de R$ 6.806. a capital paulista é a cidade que registra a maior alta nos preços, com aumento de 1,5% nos valores anunciados em setembro em relação a agosto.

Por outro lado, Salvador e o Distrito Federal registraram queda no preço médio anunciado do m² (de 0,2% e 1,7% respectivamente). No Distrito Federal, o valor médio do m² em setembro foi de R$ 8.143 e em Salvador, o mais barato do país, de R$ 3.794.
Mais caros
Os imóveis de um quarto têm o maior preço médio do metro quadrado em São Paulo, Belo Horizonte e Recife e ficam em segundo lugar no Rio de Janeiro e no Distrito Federal. Salvador e Fortaleza não tiveram os preços médios destes imóveis apurados.

Os bairros com o metro quadrado mais caro de São Paulo são Ibirapuera-Vila Nova Conceição (R$ 11.111), Jardim Paulistano (R$ 9.606) e Chácara Itaim (R$ 9,151).
Categoria: , , ,

0 comentários

Deixe seu comentário